Neste episódio, trouxe um conceito que aprendi e que fez todo sentido pra mim a respeito da ACEITAÇÃO.

Aceitar não é gostar ou não gostar de uma situação. Aceitar é não criar resistência, é parar de brigar com aquilo que É.

Quando uma situação ou desafio surge, podemos escolher entre a negação e a aceitação. Quando escolhemos pela aceitação, encaramos o que aconteceu como uma oportunidade de crescimento, onde nos é dada a chance de nos conhecermos e nos superarmos ainda mais, e de seguir em frente fazendo o que precisa ser feito.

“Aquilo a que você resiste, persiste.” Essa frase de Carl Jung nos mostra o quão ineficaz é criar resistência àquilo que É. Apenas quando encaramos e aceitamos algo é que podemos trabalhar pela transformação que aquela situação está exigindo de nós.

Qual situação, se você praticar a aceitação e ir em direção a atravessá-la e a transcendê-la, fará você se sentir ainda melhor?

Aceitar o fim de um relacionamento? Aceitar que está na hora de buscar uma nova oportunidade na área profissional? Aceitar que você pisou na bola com alguém e tomar a iniciativa para uma conversa? Aceitar que você tem negligenciado a sua saúde e se negado o autocuidado? Aceitar que precisa de ajuda para lidar com alguma situação (melhorar relacionamentos, ser um pai/mãe melhor, fazer terapia, etc.)?

Os exemplos são muitos, mas o importante é lembrar disso: não há nenhum tempo melhor do que AGORA para começar!

Conte comigo se precisar!

Com carinho,

Bruna

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *