Às vezes é preciso parar tudo para perceber algo fundamental. A importância de se perdoar, de ser amoroso e de ter compaixão por si mesmo.

Muitas vezes temos uma dificuldade enorme em nos perdoar em relação às coisas que fizemos no passado, nossas atitudes, e até aquilo a que consideramos “erros”.

É importante termos a percepção de que, lá atrás, estávamos em um determinado nível de consciência, e que se agora temos o entendimento de que essa não era a melhor maneira de proceder, é porque avançamos nesse entendimento e agora já podemos fazer melhor.

Não seja o carrasco de si mesmo. Cuidado com a rigidez. A culpa e sentimentos inferiores fazem com que nossa frequência fique baixa e assim vamos ficando longe da nossa essência, às vezes por muito tempo. 

Você é amado pelo Criador do jeito que é, e estamos aqui para experienciar. Compreenda que tudo teve um propósito.

A punição que muitas vezes queremos impor a nós mesmos está ligada a crenças vindas lá de trás (muitas delas, inclusive, crenças do coletivo), sobre certo e errado, bom e mau, obediência e pecado.

Neste episódio, quero propor para você um exercício: escreva para si mesmo para reconfigurar sua relação com você.

Escreva para si mesmo, se elogie, mostre para você mesmo o quanto você consegue ser compreensivo e compassivo em relação ao que passou. Se dê essa permissão. Seja seu melhor amigo. Fale com você da mesma forma que falaria com ele.

Comece agora no bloco de notas do seu celular, ou pegue um papel e caneta pra fazer isso. Comece! Não se preocupe com o formato. Aqui não tem nenhum formato específico.

Você é generoso? É uma pessoa carinhosa, amorosa? É paciente? Faz boas ações para si mesmo e para os outros? Busca sempre se aprimorar? Dá o melhor de si nas situações? É um bom amigo, um bom pai, um bom filho, um bom companheiro para o seu par? Ou ao menos se esforça para isso?

E, pra quem quiser continuar esse exercício por mais tempo, vá em frente! E aí vai mais uma dica: que tal complementar essa cartinha todo dia até semana que vem com uma mensagem a mais? Todo dia busque uma qualidade sua e faça uma frase ou parágrafo descrevendo o quanto você é bom naquilo.

Comece a contar uma nova história pra si mesmo, dessa vez de amor, e não de culpa e ressentimento.

Acolha-se! 

Se sentir que posso te ajudar neste processo, fale comigo. Aqui no site tem uma descrição dos serviços que eu ofereço e também meu WhatsApp pra você entrar em contato.

Um forte abraço a todos, e até semana que vem!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *